10 de Janeiro 

 

Nova vida 

 

Leitura Bíblica: Hebreus 10.19-23 

 

Esqueçam o que se foi; não vivam no passado. Vejam, estou fazendo uma coisa  nova! (Is 43.18-19) 

 

   Mesmo as pessoas bem organizadas mantêm um tipo de “museu particular”, ou seja, uma coleção de objetos antigos, quase sempre em desuso. Por questões afetivas ou até econômicas, relutam em se desfazer de peças usadas, sapatos, roupas fora de moda, aparelhos eletrônicos ultrapassados, papéis e revistas velhas e mil outros objetos sem serventia.

    Na vida  moral e espiritual não é diferente o procedimento de muitos. Há quem conserve hábitos antigos, atitudes e vícios que, no íntimo, não querem abandonar. Por exemplo, dissimulação, hipocrisia, arrogância, destempero verbal e outros mais. Estranho “museu” que não se coaduna com o progresso espiritual desejado.

     O ensino do apóstolo Paulo é de grande valia no trato desse problema. Recomendou aos seus leitores que substituíssem as coisas antigas, inadequadas, imprestáveis e até perniciosas por outras novas que favoreçam a proximidade com Deus (Ef 4). E aos coríntios afirmou: “As coisas antigas já passaram, eis que surgiram coisas novas” (2Co 5.17).

     Nossa vida espiritual sempre deve ser fundamentada em um agente específico: Deus. Quantos são assediados para uma vida de conformação com o pecado e estimulados a dar vazão aos apetites da carne. A atuação normal do ser humano é agir sob a orientação do tentador. É preciso dar um basta a essas influências e tendências malignas dizendo “Não!” ao poder das trevas “Não!” ás exigências do ego, “Não!” ao deslumbramento do mundo. Em contrapartida, é imprescindível dizer “Sim!” ao apelo de Cristo, á sua graça redentora e ao seu maravilhoso amor!

     Você, meu leitor, está preparado para confiar no poder de Deus e servi-lo com empenho e dedicação?  Servir a Cristo e honrar a Deus é o objetivo maior de quem quer renovar, não um museu de antiguidade, mas a própria vida, com a bênção restauradora da presença do Salvador. – CT 

 

          Revitalize sua vida na comunhão e no poder de Cristo.