19 de Fevereio

 

Amor

 

Leitura Bíblica: 1 João 2.9-16

 

O Filho do homem veio buscar e salvar o que estava perdido (Lc 19.10).

 

       No meu curso de especialização médica tive o privilegio de ter como "tutor" um médico com mais de 70 anos que muito insistia em ensinar a avaliar as particularidades de cada paciente: entre outros aspectos, sua idade, seus hábitos de vida, suas limitações, sua cooperação e seu perfil psicológico, para então definir o tratamento mais adequado. Em resumo, me ensinou a conhecer e tratar o paciente de uma forma integral e não só o que os exames mostravam de alterado - numa época em que o cuidado médico está cada vez menos individualizado e o paciente deixa de ser chamado pelo seu nome próprio para ser chamado por sua doença.

       Em nossas vidas temos enorme facilidade em rotular as pessoas e dividi-las em categorias em função do que enxergamos nelas e não do que são, especialmente daquilo que consideramos "defeitos", sejam eles físicos, de personalidade comportamentais e até mesmo espirituais. Isto causa então dentro de nós uma aversão ao "defeito" e o desejo de nos mantermos separados do que é "errado". Uma vez questionado por sua convivência e amizade com um músico homossexual "pecador" , um escritor cristão respondeu questionando: "Como aquele músico pode conviver com um pecador como eu?"

     No versículo 10, João nos diz que estar na luz é amar nosso próximo, e no versículo 15 orienta a não amar o mundo e nem o que nele há, e não quem nele está. O que deve ser combatido são as atitudes e comportamentos, como mostra o versículo seguinte, que não aproximam o homem e Deus e que chamamos de pecado. Que ao conhecer o pecado possamos buscar conhecer e amar o pecado tão falho e imperfeito como nós. Pois se o amor e a graça não puderem ser praticados e experimentados, o que fica de relevante da mensagem de Cristo para a humanidade por meio dos que se chamam cristãos? - CE

 

                                         Amor rima com pecador.