10 de Junho

 

  A igreja se foi

Leia-> Atos 2:42-47
Todos continuavam formes, seguindo os ensinamentos dos apóstolos, vivendo em amor cristão, partindo o pão juntos e fazendo orações (v.42).

       Rebeca, o professor da Escola Dominical e o pastor da igreja faltaram ao culto dominical. Na verdade todos faltaram, pois saíram pela comunidade durante todo o final de semana para servir onde pudessem: cozinhando e distribuindo refeições, cortando o mato das ruas, alimentando os sem-teto.
      No domingo seguinte, o pastor local disse à sua igreja, “Vocês foram uma igreja viva, perante pessoas que não fazem parte dela”.
Causou tamanha impressão que foi publicada uma matéria sobre esta experiência da igreja, na primeira página de um caderno do jornal local. Foram boas-novas sobre as Boas-Novas!
     “Nas Escrituras, a igreja, geralmente, estava além das paredes; na comunidade”, disse o pastor, “e Deus colocou pessoas da igreja para ajudar, no caminho de outras.”
     A prática à qual o pastor se referia começou logo após Pedro pregar o evangelho a uma grande multidão em Jerusalém. Três mil pessoas creram em suas palavras sobre batizados (Atos 2:36-41). Ansiosos em fazer o que era certo, dedicaram-se a quatro coisas: aos “...ensinamentos dos apóstolos, vivemos em amor cristão, partindo o pão juntos (incluindo a Ceia do Senhor) e fazendo orações” (v.42).O seu amor uns com os outros era evidente e se espalhou pela comunidade. A Bíblia diz que “...partiam o pão e participavam das refeições com alegria e humildade. Louvavam a Deus por tudo e eram estimados por todos...” (vv.46-47). O resultado: “E cada dia o Senhor juntava ao grupo as pessoas que iam sendo salvas.”
      Se você depositou sua fé em Jesus para o perdão de seus pecados, junte-se aos seus irmãos e irmãs em uma comunidade de fé. Ao servimos outros juntos, não há como prever o que o Espírito Santo fará através de nós.
-Tim Gustafson