30 Agosto

 

Maior que nosso medo

 

Leia-> Gênesis 26:1-11, 19-25

...Não tenha medo, pois eu estou com você...(v.24).

 

      Tenho dois filhos que têm medos diversos: de dentista, do escuro, de ervilhas. Nosso último episódio foi quando o que está na primeira série se recusou a entrar na sala de aula sozinho. Com ele ali empacado, senti vontade de lhe mostrar a garotinha do jardim de infância indo alegre e contente para a sala, sozinha. Pensei em sentar, conversar e mostrar-lhe que seus medos não tinham razão de ser.

      Felizmente resisti, reconhecendo que ele não precisava de dicas ou lógica, nem queria passar vergonha. Ele só precisava que eu segurasse suas mãos e entrasse com ele na sala. Isaque, um dos patriarcas de Israel, tinha muitas razões para temer. Sem casa, precisou iniciar do zero numa terra estranha. Quando chegou a Gerar, mentiu ao rei Abimeleque dizendo que sua bela esposa Rebeca era sua irmã, pois ele tinha medo de alguém o matasse para tomá-la dele (Gênesis 26:9).

      Anos depois, quando Isaque finalmente tinha estruturado sua vida, Abimeleque ordenou que ele saísse da região. Para onde ele iria? Será que teria que começar tudo de novo? Ele e sua família passaram a mudar constantemente de lugar, sendo sempre expulsos por conflitos e resistências. Será que sua família teria futuro? A tristeza pairava no ar e o medo era constante.

      Então Deus falou. ”... Eu sou o Deus de Abraão, o seu pai. Não tenha medo, pois eu estou com você...” (v.24). Deus combateu o medo de Isaque, sem listar todas as razões que tornavam o medo desnecessário, ou ensiná-lo a pensar positivamente. Deus combateu o medo oferecendo-se a si mesmo, Seu nome, Sua presença.

      Feito homem em Jesus, Deus o fez por toda humanidade (Mateus 1:23). Jesus veio ao nosso mundo de medo e pecado. Nossos medos exigem um Deus maior que eles, um Deus que virá e estará conosco. Jesus é essa realidade.

– Winn Collier