26 Setembro

 

Improdutivo Proposital

 

Leia-> Marcos 2:23-27

E Jesus terminou:

-O sábado foi feito para servir as pessoas, e não as pessoas para servirem o sábado (v.27).

 

     Aparei o gramado da casa de meu pai às 8 horas da manhã de um domingo. Fiquei imaginando o que os vizinhos pensariam, pois meu pai jamais cortou a grama ou fez qualquer tipo de trabalho no domingo. Ele achava que o “Dia do senhor” devia ser reservado às atividades tranquilas focadas em Deus – muito parecido com o descanso sabático do Antigo Testamento. Mas agora ele estava hospitalizado, a grama estava alta e eu partiria naquela tarde. Então me lembrei das palavras de Jesus: “...O sábado foi feito para servir as pessoas, e não as pessoas servirem o sábado” (Marcos 2:27). Quebrei o princípio do sábado para ajuda meu pai.

     Embora esta fosse a atitude correta numa emergência, “o sábado foi feito para servir as pessoas” me faz lembrar que existem um valor inestimável em guardar um dia de descanso. Deus não instituiu o princípio do sábado para testar nossa determinação com uma regra arbitrária, mas Ele nos concedeu um dia de descanso para nos dar uma chance de desacelerar e aproveitar a vida. Neste dia devemos ser propositalmente improdutivos.

    Além do repouso, João Calvino afirmou que os dias de descanso também nos dão uma oportunidade para o renovo espiritual. Ele os com parou a uma torre alta que escalamos para explorar o terreno das nossas vidas e nos lembrarmos do quando Deus tem sido bom para nós. Calvino declarou  que se aproveitássemos esta chance seríamos cheios de gratidão a semana toda.

     Muitas vezes começo os domingos com uma lista mental das tarefas que precisam ser feitas. Normalmente deixo a lista de lado e, após o culto matutino, um bom almoço e uma longa soneca, brinco e me divirto com as pessoas que amo. Sempre me alegro por agir assim.

-Mike Wittmer